Gramática

 Verbos modais: Could

“Could” é o passado e condicional de can. É usado para expressar habilidade. Também pode ser empregado para pedir permissão. A forma negativa de could é couldn’t. Veja alguns exemplos abaixo:

Mark could ride a bike when he was just four years old.
Mark sabia andar de bicicleta quando tinha apenas quarto anos de idade.

Could you do me a favor?
Você poderia me fazer um favor?

I looked for my keys everywhere but I couldn’t find them.
Procurei minhas chaves em todos os lugares mas não consegui encontrá-las.

Referência: “Fale Tudo em Inglês!” – José Roberto A. Igreja, Disal Editora. Clique aqui para conhecer este livro.

Quer implantar um curso de inglês em sua empresa? Clique aqui e conheça a Dialecto English

Gramática

So do I; So did I; So am I; etc.

Usamos a estrutura so + verbo auxiliar/verbo to be/ verbo modal + sujeito para demonstrar acordo com o que uma pessoa disse (frases afirmativas). Veja os exemplos abaixo:

Mary: “I get up early every day.” (Acordo cedo todos os dias.)
Paul: “So do I.” (Eu também.)
———————————————————————–
Karen: “I went to the mall on Saturday.” (Eu fui ao shopping center no sábado.)
Diane: “So did I.” (Eu também.)
————————————————————————
Walter: “I’m feeling cold.” (Estou sentindo frio.)
Sam: “So am I.” (Eu também.)
———————————————————————-
Mark: “I can speak two languages.” (Eu sei falar duas línguas.)
Sue: “So can I.” (Eu também.)

Podemos também, nesses casos, usar a palavra too (também) no final da frase, ou simplesmente dizer “Me too” (Eu também). Veja os exemplos abaixo:

Rob: “I go to the club on weekends.” (Eu vou ao clube nos finais de semana.)
Brian: “So do I.” / “I do too.” / “Me too.” (Eu também.)
—————————————————————————
Sarah: “I talked to Harry yesterday.” (Falei com o Harry ontem.)
Tina: “So did I.” / “I did too.” / “Me too.” (Eu também.)
—————————————————————————-
Derek: “I’m tired.” (Estou cansado.)
Bob: “So am I.” / “I’m tired too.” / “Me too” (Eu também.)
—————————————————————————-
Jeff: “I can swim very well.” (Eu sei nadar muito bem.)
Tony: “So can I.” / “I can too.” / “Me too” (Eu também.)

Referência: “Inglês Fluente em 30 Lições” – José Roberto A. Igreja, Disal Editora.

Quer implantar um curso de inglês em sua empresa? Clique aqui e conheça a Dialecto English

Gramática

Verbos modais: Can

Assim como o verbo to be, os modal verbs (verbos modais: can, could, must, should, may, might) não necessitam dos verbos auxiliares (do, does, did, will e would). Para transformar uma sentença com verbo modal de afirmativa para interrogativa, basta inverter a ordem, colocando o verbo modal antes do sujeito. Veja o exemplo abaixo:

Mary can speak French fluently. (affirmative sentence)
Mary sabe falar inglês fluentemente. (sentença afirmativa)

Can Mary speak French fluently? (interrogative sentence)
A Mary sabe falar francês fluentemente? (sentença interrogativa)

Usos do verbo modal “Can”:

Can: é usado para expressar habilidade ou para dizer que algo é possível. Também é um modo informal de pedir permissão. A negativa de can é can’t ou cannot. Veja os exemplos abaixo:

Mary lived in Madrid. That’s why she can speak Spanish so well.
Mary morou em Madri. É por isso que ela sabe falar espanhol tão bem.

I can pick you up at the airport.
Posso pegar você no aeroporto.

Can you see them from here?
Você consegue vê-los daqui?

Nick is only four years old, but he can already ride a bike.
Nick só tem quatro anos de idade, mas já sabe andar de bicicleta.

Can I use your cell phone?
Posso usar seu celular?

I can’t go with you to the mall. I’m busy.
Não posso ir com você ao shopping. Estou ocupado.

Referência: “Fale Tudo em Inglês!” – José Roberto A. Igreja, Disal Editora. Clique aqui para conhecer este livro.

Quer implantar um curso de inglês em sua empresa? Clique aqui e conheça a Dialecto English

Gramática

De uma forma geral, quando temos dois verbos na mesma sentença, eles aparecem separados pela partícula to. Veja o exemplo abaixo:

We need to go there tomorrow. (Precisamos ir lá amanhã.)

Observe na frase acima os verbos need, go e a partícula to entre eles.

Veja mais alguns exemplos:

Fred wants to buy a new cell phone. (Fred quer comprar um novo celular.)

I have to travel on business next week. (Preciso viajar a negócios na próxima semana.)

Alguns verbos, no entanto, devem ser seguidos pela forma gerúndio ing. É o caso dos verbos finish (terminar), enjoy (gostar, apreciar), mind (importar-se) e avoid (evitar), entre outros. Veja os exemplos abaixo:

They have to finish doing their homework.
(Eles têm que terminar de fazer a lição de casa.)

Do you enjoy visiting museums?
(Você gosta de visitar museus?)

I don’t mind getting up early.
(Não me importo de levantar cedo.)

Jeff avoids eating meat every day.
(Jeff evita comer carne todos os dias.)

Há também alguns verbos que podem ser seguidos pelo infinitivo (to do, to go etc.) ou pelo gerúndio ing. É o caso de like (gostar de), begin (começar) e start (começar, iniciar). Veja os exemplos abaixo:

I like to play soccer on Saturdays. = I like playing soccer on Saturdays.
(Gosto de jogar futebol aos sábados)

Nick began to study Spanish in July. = Nick began studying Spanish in July.
(Nick começou a estudar espanhol em julho.)

Cynthia starts to work at 9 a.m. = Cynthia starts working at 9 a.m.
(Cynthia começa a trabalhar às 9h.)

Obs.: O verbo stop (parar) pode ser seguido de infinitivo ou gerúndio, mas há mudança de significado. Compare os exemplos abaixo:

Carol stopped to talk to me. X Carol stopped talking to me.
Carol parou para falar comigo. X Carol parou de falar comigo.

Referência: “Inglês Fluente em 30 Lições” – José Roberto A. Igreja, Disal Editora.

Quer implantar um curso de inglês em sua empresa? Clique aqui e conheça a Dialecto English

Gramática

Como usar as estruturas Had better e Would rather?

Usamos a estrutura had better (seria melhor) seguida de um verbo principal para dar conselhos. A forma contraída de had (‘d) é frequentemente usada. Veja os exemplos abaixo:

You’d better tell them the truth. (Seria melhor você dizer a verdade para eles.)
He’d better sleep earlier tonight. (Seria melhor ele dormir mais cedo hoje à noite.)
They’d better do their homework now. (Seria melhor eles fazerem a lição de casa agora.)
You’d better go on a diet. (Seria melhor você fazer regime.)
She’d better not go out tonight. (Seria melhor ela não sair hoje à noite.)
We’d better not miss the class tomorrow. (Seria melhor não faltarmos à aula amanhã.)

Usamos a estrutura would rather para indicar preferência. A forma contraída de would (‘d) é frequentemente usada. Veja os exemplos abaixo:

I’d rather stay home tonight. (Preferiria ficar em casa hoje à noite.)
He’d rather live in a small city. (Ele preferiria morar em uma cidade pequena.)
They’d rather go downtown by subway. (Eles prefeririam ir à cidade de metrô.)
She’d rather watch a comedy show tonight. (Ela preferiria assistir a uma comédia hoje à noite.)
I’d rather not eat pasta today. (Preferiria não comer massas hoje.)
Would you rather drink tea or coffee? (Você preferiria beber chá ou café?)

Referência: “Inglês Fluente em 30 Lições” – José Roberto A. Igreja, Disal Editora. Clique aqui para conhecer este livro.

Gramática

Pronomes Reflexivos

Veja na tabela abaixo os pronomes reflexivos:
Pronome pessoal                                  Pronome reflexivo

I                                                                myself
you                                                           yourself
he                                                             himself
she                                                           herself
it                                                               itself
we                                                            ourselves
you                                                           yourselves
they                                                          themselves

Agora veja alguns exemplos de uso em frases contextualizadas:

I cut myself shaving this morning.
Eu me cortei fazendo a barba hoje de manhã.
Don’t blame yourself for what happened. It wasn’t your fault!
Não se culpe pelo o que aconteceu. Não foi sua culpa!
Jeff and Bob are old enough to take care of themselves.
O Jeff e o Bob já têm idade suficiente para cuidarem de si mesmos.
This is no reason for Amy to be so angry. She needs to learn to control herself!
Isto não é motivo para a Amy ficar tão brava. Ela precisa aprender a se controlar!
Jim is always looking at himself in the mirror. He’s so vain!
O Jim está sempre se olhando no espelho. Ele é tão vaidoso!
We don’t need any help. We can solve the problem ourselves.
Não precisamos de ajuda. Podemos resolver o problema nós mesmos.

É também muito comum em inglês o uso de um pronome reflexivo precedido pela preposição by, com o significado de “sozinho, sem companhia, sem ajuda”.
Ex.: by myself; by yourself; by himself; by ourselves. Veja alguns exemplos abaixo:

Did you do your homework by yourself?
Você fez a lição de casa sozinho?
Barry traveled to Australia by himself.
Barry viajou à Austrália sozinho.
Thanks, I don’t need any help. I can do that by myself.
Obrigado, não preciso de ajuda. Posso fazer isso sozinho.

Referência: “Inglês Fluente em 30 Lições” – José Roberto A. Igreja, Disal Editora. Clique aqui para conhecer este livro.

Gramática

Uso do gerúndio: working, doing, making, etc.

A formação do gerúndio em inglês é muito simples. Enquanto em português temos as terminações –ando, -endo e -indo (ex. cantando, correndo, sorrindo) em inglês usa-se apenas a terminação -ing. Veja os exemplos abaixo:

Work (trabalhar) – working (trabalhando)
Read (ler) – reading (lendo)
Go (ir) – going (indo)

Quando o verbo termina em “e”, omite-se o “e” e acrescenta-se o -ing.

Make (fazer, preparar) – making
Take (pegar, levar) – taking

Exemplos de uso em frases contextualizadas:

Don’t disturb Tim now. He’s studying for a test.
Não perturbe o Tim agora. Ele está estudando para um teste.
Helen is making a cake for Tom’s birthday party.
A Helen está fazendo um bolo para a festa de aniversário do Tom.
Jane is watching a comedy.
Jane está assistindo uma comédia.
Are you enjoying the show?
Você está gostando do show?
Your English is getting better and better!
Seu inglês está ficando cada vez melhor!

Referência: “Fale Tudo em Inglês!” – José Roberto A. Igreja, Disal Editora. Clique aqui para conhecer este livro.

Gramática

Como usar Unless e As long as?

Veja abaixo alguns exemplos de uso de unless (a menos que):
You will miss the flight unless you hurry.
Você vai perder o voo a menos que se apresse.
I plan to go there on foot unless it rains.
Planejo ir lá a pé a menos que chova.
Unless you stop smoking you won’t feel well.
A menos que você pare de fumar não se sentirá bem.
You cannot enter the stadium unless you have a ticket.
Você não pode entrar no estádio a menos que tenha um ingresso.

Veja abaixo alguns exemplos de uso de as long as (contanto que):
I’ll lend you my car as long as you are careful.
Emprestarei meu carro para você contanto que você seja cuidadoso.
You can go and play with your friends as long as you finish your homework.
Você pode ir brincar com seus amigos contanto que termine sua lição de casa.
I don’t mind if you go out tonight as long as you’re back before 11 p.m.
Eu não me importo que você saia hoje à noite contanto que você volte antes das 23h.
We’ll go to the beach on Sunday as long as it doesn’t rain.
Iremos à praia no domingo contanto que não chova.

Obs.: Em outro contexto, as long as também pode significar “durante o tempo que”.Veja os exemplos abaixo:

You can stay here as long as you want.
Você pode ficar aqui durante o tempo que quiser.
There’s no hurry. You can work for as long as you want on the project.
Não há pressa. Você pode trabalhar durante o tempo que quiser no projeto.

Referência: “Inglês Fluente em 30 Lições” – José Roberto A. Igreja, Disal Editora. Clique aqui para conhecer este livro.

Gramática

O verbo haver: there + to be

O verbo “haver” em inglês é formado a partir da combinação da palavra there com o verbo to be conjugado. Veja abaixo as combinações possíveis:

There is = há (singular)
There are = há (plural)

There was = houve, havia (singular)
There were = houve, havia (plural)

There will be = haverá
There is going to be = vai haver (singular)

There are going to be = vai haver (plural)
There would be = haveria

There can be = pode haver
There may be = pode haver; talvez haja

There could be = poderia haver
There should be = deveria haver

There must be = deve haver
There has been = tem havido (singular)

There have been = tem havido (plural)
There had been = tinha havido

Exemplos de uso em frases contextualizadas

There is a lot of information in this book.
Há muita informação neste livro.

There weren’t many people at the trade show yesterday.
Não havia muitas pessoas na feira de negócios ontem.

There is going to be a party in our office next week.
Vai haver uma festa em nosso escritório na próxima semana.

Please type carefully. There mustn’t be any mistakes on this document.
Por favor digite com cuidado. Não deve haver nenhum erro neste documento.

There was no time for Jim to do his homework.
Não houve tempo para o Jim fazer a lição de casa.

There should be some explanation. Don’t you agree?
Deveria haver alguma explicação. Você não concorda?

There must be some explanation for what happened.
Deve haver alguma explicação para o que aconteceu.

Is there a bank near here?
Há um banco aqui perto?

How many people were there at the conference?
Quantas pessoas havia no congresso?

Will there be a meeting tomorrow?
Vai haver uma reunião amanhã?

Referência: “Fale Tudo em Inglês!” – José Roberto A. Igreja, Disal Editora. Clique aqui para conhecer este livro.